EMEI Jardim Monte Belo – um lugar pra ser feliz!

Posts marcados ‘Dia da Mulher’

DIA DA MULHER – UM DIA DE LUTA

     

  Por Professora Karina Cabral             

CARTA ÀS FAMÍLIAS Nº 1 / 2016

08 DE MARÇO – DIA INTERNACIONAL DA MULHER

               O dia 08 de março é muito mais que um dia para ganhar elogios vazios, flores ou chocolates. É um dia para lembrar uma luta histórica e não terminada contra a opressão da mulher, em todos os lugares do mundo.

A situação da mulher ainda é triste e injusta. Em nosso país – o sétimo do mundo onde mais se assassinam mulheres – a cada 15 minutos, uma mulher é agredida, geralmente por alguém que ela conhece e confia. As mulheres ganham salários menores que os homens exercendo a mesma função, mesmo estudando, em média, dois anos a mais. Ainda, quando engravidamos ou quando um filho ou filha nosso adoece e precisa ser levado ao médico, somos mal vistas por nossos chefes – a maioria, homens. Trabalhamos em casa e fora de casa, muitas vezes sem a ajuda de ninguém. Somos o tempo todo julgadas por tudo que fazemos e pensamos. Em um mundo pensado e construído sob a ótica do homem, somos desrespeitadas e chacoteadas ao falar nossa opinião, ao dirigir, ao escolher a roupa que vamos vestir, ao caminhar na rua. A mídia e a cultura em que vivemos nos dizem que nosso cabelo, nossa pele, nossas rugas, nossos quilos a menos ou a mais, nosso jeito de corpo não é bom e precisa ser mudado para se adequar a padrões impossíveis, e sofremos tentando ser aceitas. Em muitos lugares do mundo, mulheres ainda não podem votar, trabalhar, estudar, sequer mostrar o rosto, e são mutiladas, violentadas, espancadas, humilhadas, apedrejadas, torturadas, diminuídas. Por tudo isso, nossa luta contra a opressão ainda é grande.

Opressão é toda força maior que nos obriga a fazer algo que não queremos fazer, dizer o que não queremos dizer, ser o que não queremos ser, calar quando precisamos falar. Opressão é aquilo que nos humilha, nos maltrata, nos faz sentir pequenas, tristes, angustiadas… O que nos machuca, por dentro e por fora. Quem é oprimido se sente apertado, colocado contra a parede… Estragado. A opressão que vem de fora acaba construindo em nós um sentimento que passa a vir de dentro. De tanto sermos tratadas como um lixo, começamos a achar que merecemos isso, que o mundo é assim mesmo, que a pessoa que nos faz mal, na verdade, não é tão ruim assim, que o sofrimento é comum… E que não podemos ser felizes do jeito que pensávamos. Aos poucos, vai morrendo a força para lutar contra aquilo que oprime.

A opressão vem da cultura, da mídia, da televisão, da igreja, da escola, da política, do nosso trabalho, de pessoas que nunca vimos. Mas, dói mais a opressão que vem de nossos maridos ou companheiros, nosso irmãos, nossos pais, nossos filhos e também de outras mulheres que conhecemos, amamos e confiamos. Contra esses, dói muito resistir e perceber.

Amanhã é um dia de luta e reflexão sobre a condição feminina. Se você é mulher, esperamos que você pense e consiga identificar, em sua vida, aquilo que faz mal a você, que oprime e tira a sua liberdade, e consiga buscar alternativas, força e motivos para lutar contra isso, inclusive se unindo a outras pessoas que estão nessa luta também. E se você é homem, esperamos que você também reflita e consiga pensar em um jeito mais igualitário de viver, homens e mulheres, lado a lado, nas mesmas condições de pessoas inteiras que somos.

Em nossa escola, educamos as meninas e meninos com essa visão – tentando ensinar a elas e a eles que todos são livres, que todos têm direitos e merecemos ser respeitados como pessoas, sendo homens ou mulheres. Partilhamos disso com vocês e parabenizamos a todas as mulheres que lutam e se esforçam para ser, a cada dia, mais felizes consigo mesmas e com o mundo onde vivem.

Educadoras da EMEI Jardim Monte Belo

Anúncios

DIA DA MULHER – O NOSSO PRESENTE

Imagem: Cecília Esteves

Por Professora Karina Cabral

Texto enviado às famílias na última sexta-feira por ocasião do Dia da Mulher

Qual Presente?

Queridas mães, avós, tias, irmãs, cuidadoras, vizinhas, amigas de nossa comunidade.

Domingo, dia 08 de março é o dia internacional da mulher.

Nó, aqui da EMEI Jardim Monte Belo, somos uma equipe de mulheres. Somos mães, filhas, esposas, trabalhadoras, cidadãs, amigas…  E educadoras de pequenas e pequenos que serão homens e mulheres em pouco tempo. E gostaríamos de dar a vocês, mulheres como nós, um presente no dia 08.

Não é uma flor, um poema, uma dobradura ou uma homenagem em forma de canção. Na verdade, o presente que gostaríamos de dar a vocês, mulheres… É um mundo diferente.

Um mundo onde mulher nenhuma fosse culpada, marginalizada ou maltratada simplesmente por ser mulher…

Um mundo onde não tivéssemos mais que saber que mulheres foram estupradas, abusadas, exploradas, mutiladas, coagidas, espancadas e assassinadas apenas por serem mulheres…

Um mundo onde mulheres e homens tivessem os mesmos direitos, os mesmos salários, as mesmas obrigações, as mesmas oportunidades de trabalho e estudo, as mesmas atribuições em casa e responsabilidades na criação dos filhos.

Um mundo onde todas as mulheres não tivessem que ter vergonha de seu corpo, seja ele do tamanho, cor, jeito que for, tenha as medidas que tiver. Um mundo onde nossas ideias, sentimentos e situações valessem mais que nossa aparência, e onde não nos tratassem como um pedaço de carne a ser escolhida no açougue.

Um mundo onde as mulheres percebessem qualquer abuso emocional, financeiro, físico, e não permitissem isso nunca mais.

Um mundo onde piadas sobre nossa capacidade e nossas características femininas não tivessem a menor graça.

Um mundo onde pudéssemos escolher o que é melhor para nós, onde nossa voz fosse ouvida, nossa opinião fosse respeitada e onde fossemos donas de nós mesmas.

Mas esse mundo ainda não existe. No nosso mundo, a mulher ainda é massacrada e desvalorizada.

Então, queridas mulheres… Nosso maior presente é a luta. É a solidariedade a outras mulheres (precisamos umas das outras!). É a oportunidade de refletir juntas é a mão estendida a qualquer mulher ofendida, humilhada, espancada, vitimada que precisa de nós. É dar aos nossos meninos e meninas o mesmo tratamento, como seres humanos lindos e inteiros que são. É refletir sobre o preconceito a discriminação, a discriminação que nós mesmas sofremos, e nos posicionar, lutando contra tudo isso.

É um mundo diferente que desejamos para nós mesmas, para vocês, para nossas filhas, sobrinhas, netas, afilhadas, amigas… Para nossas alunas.

No dia 08 de março, é nosso presente o compromisso de lutar todos os dias para esse mundo acontecer.

Não nos retiremos da luta!

Parabéns a todas as guerreiras.

Texto dedicado a todas as mulheres, pela equipe da EMEI Jardim Monte Belo

DIA DA MULHER – FELIZ TODOS OS DIAS!

Por Professora Valéria Marques Mendes

No último dia da mulher, para comemorar e homenagear, a professora Valéria nos presenteou com uma bela reflexão escrita, entregue a todas as famílias, sobre o papel da mulher na sociedade e sobre a luta diária de todas nós para superarmos a desigualdade e o preconceito. Dividimos isso aqui no blog também! 🙂

DIA 08 DE MARÇO, DIA DAS MULHERES…

Feliz Todos os Dias!

Por Professora Valéria

Já ouvi muitas vezes as pessoas dizendo por que DIA DA MULHER? Tem que ter essa comemoração mesmo? O nosso (dia dos homens) é todo dia…

A verdade é que todos/as nós, mulheres e homens fomos educados/as para acreditar que a mulher é inferior, que tem apenas deveres, e nada de direitos …

Essa visão de que a mulher é fraca, que não é capaz, também foi ensinada por muito tempo, mas sabemos (eu sei e você também), que não é bem assim. Hoje nós votamos, trabalhamos (dentro e fora de casa), ocupamos cargos importantes de decisão, e temos até uma Presidenta!

Todas as mulheres são importantes, assim como todos os homens. É na relação igualitária (lado a lado), em casa, no trabalho, na rua, no transporte público, no carro, é que vamos construindo e vivendo como pares de direitos e deveres.

Aqui em nossa escola, somos todas educadoras, batalhadoras, sonhadoras e acreditamos numa educação baseada na construção de uma sociedade justa e com equidade nas relações humanas entre homens e mulheres, independente de sua sexualidade, sua etnia e sua fé. É no encontro com outras pessoas que chegaremos à sonhada civilização do bem viver.

O dia 8 de março não é apenas uma data comemorativa, mas um dia para se firmarem discussões que descontruam os preconceitos frente o papel e importância da mulher no mundo.

Um ótimo Nosso (todo) dia, Mulheres da comunidade Jd. Monte Belo!
 

           VOCÊ SABIA?

História do  8 de março…

No Dia 8 de março de 1857, operárias de uma   fábrica de tecidos, situada na cidade norte americana de Nova Iorque, fizeram   uma grande greve. Ocuparam a fábrica e começaram a reivindicar melhores   condições de trabalho, tais como, redução na carga diária de trabalho para   dez horas (as fábricas exigiam 16 horas de trabalho diário), equiparação de   salários com os homens (as mulheres chegavam a receber até um terço do   salário de um homem, para executar o mesmo tipo de trabalho) e tratamento   digno dentro do ambiente de trabalho.

A manifestação foi reprimida com total violência.   As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada.   Aproximadamente 130 tecelãs morreram carbonizadas, num ato totalmente   desumano.

Porém, somente no ano de 1910, durante uma   conferência na Dinamarca, ficou   decidido que o 8 de março passaria a ser o “Dia Internacional da   Mulher”, em homenagem as mulheres que morreram na fábrica em 1857. Mas   somente no ano de 1975, através de um decreto, a data foi oficializada pela ONU (Organização das Nações Unidas).

Objetivo da Data

Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas   comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e   reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O   esforço é para tentar diminuir e, quem sabe um dia terminar, com o preconceito   e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem,   em muitos locais, com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva   de trabalho e desvantagens   na carreira profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser   modificado nesta história.

Conquistas das Mulheres Brasileiras

Podemos dizer que o dia 24 de fevereiro de 1932   foi um marco na história da mulher brasileira. Nesta data foi instituído o   voto feminino. As mulheres conquistavam, depois de muitos anos de   reivindicações e discussões, o direito de votar e serem eleitas para cargos   no executivo e legislativo.

 

 

 

Nuvem de tags